ONDE ESTÁ O SUBVERSIVO CHICO?


ChicoBuarque_6
Chico está calado.
O carioca Francisco Buarque de Hollanda não pode mais falar, não pode mais compor, não faz mais poesia, não está no palco dos protestos, não caminha mais abraçado a multidão nas Avenidas.
Chico agora faz parte do sistema, ele se alimenta do poder, desfruta do governo atual, é cortejado pelos governantes, amigo do presidente.
Chico não é mais povo, ele é Estado, não se indigna com a desonestidade, não se enfurece com os desvios financeiros, não se escandaliza com a corrupção, não se entristece com o desgoverno, está despido da crítica.
Chico está do outro lado, do lado que oprime, explora, maltrata, e quer calar a mídia. Ele não sente a crise, pois, o que para muitos é “uma bebida amarga”, para Buarque é prazeroso.
Chico, “desculpe a liberdade” mas tenho “essa palavra presa na garganta”,  “que fazes parado?” O Brasil canta “meu refrão” “apesar de você”  não acompanhar, toca panela e você não dança, não queremos afastar de você esse “cálice”, mas você silencia.
Temos saudades de tuas metáforas, mas não há mais em ti inspiração, pois não és mais um exilado, hoje não te expressas “nem com a boca nem com o peito” a “cidade faz barulho” mas “tu acordas calado”, “não percebes o monstro da lagoa” “abrir a porta” está cada vez mais difícil. Queremos “perder o juízo” e você não nos ajuda Chico.
 Chico és um “Calabar”,  ” mas apesar de você, amanhã há de ser outro dia”.
Essa postagem possui temas de músicas compostas por Chico Buarque e letras da música “Cálice” do mesmo autor. Conferir
Robson Aguiar
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s