DILMA, E A ESTRATÉGIA DO BALE.


12342654_1095488830461695_6359300582559928396_n

Hélio Bicudo, jurista (fundador do PT) e Janaína Paschoal (professora de direito Penal – PUC) são os autores da ação que pede impeachment da presidenta do Brasil, antes deles, outros atores também fizeram o mesmo, mas, sem êxito.

Ocorre, que Eduardo Cunha rejeitou 31 pedidos de impeachment contra a governanta petista, pois, segundo o presidente da Câmara, não estavam devidamente fundamentados.

Quando finalmente, ele aceita um, que possui fundamento, conforme aprovação da comissão jurídica da Câmara, ai, aparece os petistas para alegarem que é golpe ou vingança.

Sem entrar nessa discussão absurda de dizerem que é golpe, vou trilhar outro viés, que acho por demais interessante, a Dilma, orientada por algum débil mental, usa como estratégia de defesa atacar Eduardo Cunha, como se o impeachment tenha sido por ele idealizado, quando na verdade, ele apenas autorizou sua abertura. Os personagens que produziram o documento nem sequer são políticos, o Hélio já foi, não é mais, e a professora Janaína não labuta na área.

Claro, que um povo noveleiro, festeiro, que não gosta de longos textos, apedeutas, que não têm costume de ler livros, de assistir documentários e reportagens, que não gosta de discutir política, se torna uma presa fácil para que se passe essa informação deturpada, de que o problema do pedido de impedimento é pessoal, que só foi aceito por que o Cunha quer se vingar do PT.

É preciso separar as coisas, Dilma deveria estar se defendendo e não acusando, mas, ela se limita a dizer que é inocente e não cometeu crime. Ora, a presidente já tentou por meio de advogados se defender junto ao TCU, mas, foi condenada. Suas contas foram reprovadas pelo motivo que está mais que badalado na imprensa falada e escrita. Ela cometeu uma ilicitude que o próprio Lula admitiu discursando para seus súditos.

O Brahma disse que foi por uma boa causa. Será?

Estou falando de fatos. Não há o que argumentar. Mas, Dilma sabe que pode mentir quantas vezes quiser a nação, pois, sempre terá algum desinformado, ou analfabeto político para lhe dar atenção.

Partir para a baixaria é coisa de mulher balista. Mas, o PT gosta de baixar o nível, seus componentes, por serem despidos de cultura, preferem o bate-boca, a pancadaria, como os demais elementos de esquerda.

Até entendo a presidente, afinal, ela não tem como refutar a acusação que lhe pesa, então apelar para desviar o foco lhe parece ser a melhor opção.

Robson Aguiar

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s