SETE COISAS QUE NÃO DISCUTO MAIS


 

 

  1. Não discutirei gosto musical. Não vejo base bíblica para dizer qual estilo musical agrada a Deus, por isso, se você gosta de hip hop, forró, samba, rock, instrumental ou qualquer outro ritmo, não serei eu que discutirei.

     

  2. Não discutirei predestinação e livre arbítrio. Já discuti, não discuto mais. Após assistir uma palestra do Rev. Robinson Cavalcanti, em programa de debate doutrinário, fui convencido que esse assunto é periférico e não merece tanta importância.

     

  3. Não discutirei sobre ministério pastoral feminino. Já me posicionai antes e não pretendo fazer desse tema uma cruzada. As mulheres já estão emergindo nas tribunas ministeriais de várias igrejas, como também nas Assembléias de Deus, e não serei eu que vou bater insistentemente nesta tecla.

     

  4. Não discutirei sobre o Congresso dos Gideões, apesar de achar exagerado os movimentos que ali acontecem. Creio que o evento de Camboriú só precisa de alguns ajustes por parte dos organizadores, para convidar palestrantes que não apelem tanto para o emocional das pessoas e se preocupem mais com bíblia. No mais, não postarei em meu Blog críticas ao evento.

     

  5. Não discutirei sobre salvação na igreja católica e na igreja neo pentecostal. Afinal, dizer que não há salvação no catolicismo é jogar John Huss, Wicliff e Savanarola no inferno. Confesso que não penso que esses homens morreram condenados. Também nem todos os neo pentecostais estão lá por dinheiro. Existem muitas pessoas sinceras servindo a Deus nessas igrejas. Eu não discuto isso.

     

  6. Não discutirei sobre a presença de evangélicos em reality show. Apesar de achar incoerente. Acho que poderiam usar aquele espaço para dar um grande testemunho em rede nacional, o que até então não parece ter acontecido. Mas, Deus conhece os corações. Entrego a Deus.

     

  7. Não discutirei sobre divisão de ministérios. Se é de Deus, se não é, não serei eu que vou dizer. Quem tiver sua chamada que trabalhe para ratifica-la. Mas, se não for de Deus, alguém pagará o preço. No mais, não vou escrever a respeito, por achar que trata-se de assunto muito íntimo.

 

E você, tem algum assunto que não discutirás mais?

Anúncios

4 respostas em “SETE COISAS QUE NÃO DISCUTO MAIS

  1. Amado Pr Robson,
    O Sr. sempre foi uma referencia para mim na Net,e passei a respeitá-lo como grande homem de Deus principalmente no caso Jesus 100¨% Homem e 100% Deus,quando vi a sua defesa-apologia brilhante de uma Doutrina Milenar.
    Mas esse seu texto aqui,confesso com lágrimas,me deixou extremamente decepcionado.Tudo o que o sr. vai deixar de discutir são as estratégias que satã mais tem usado para causar confusão na já muito caótica igreja brasileira.
    Peço por favor para o sr. rever seus conceitos quanto a isso.
    E dou graças a DEus por o sr. não tem incluido na lista a abominável Teologia da Prosperidade.

    Fica com Deus.

    Curtir

  2. Certo dia um dos Pastores durante a EBD discorreu o assunto de que “pela fé viria católicos no céu”; o corrigi dizendo que a conversa de Cristo com Nicodemos seria vã? Pra que então saí de lá, aceitei a Cristo como único e suficiente salvador?
    É, não discuta psicologia na igreja, não discuta cultos do tipo “O Aprendiz” de Roberto “justo”…
    deixa essa geração que entra com problemas oftalmológicos…

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s